top of page
  • grupothv

A importância do acompanhamento psicológico profissional

Atualizado: 14 de fev. de 2023

As lições que podemos tirar da Copa do Mundo

Esse texto poderia ser direcionado apenas aos profissionais psicólogos e terapeutas que me seguem e acompanham um pouco do meu trabalho nas redes sociais.

Mas desta vez eu quero estender a minha postagem para você, independente do seu credo religioso ou até mesmo da sua formação profissional.


O assunto de hoje independe de futebol, mas vamos usar a Copa do Mundo como meio para levantar essa assunto que tantas vezes acaba sendo negligenciado, seja por ignorância ou por simples desconhecimento.


Saúde Mental é coisa séria.


É admirável, para não dizer predador, não ter um psicólogo na equipe de uma seleção. Digo predador porque tal evento é altamente estressor e desencadeador de nocautes emocionais previsíveis. O que me faz pensar como ainda as pessoas desconhecem ou minimizam o campo de atuação da psicologia, e o potencial impacto devastador das emoções na nossa percepção do eventos e reação a tais eventos. Assustador também é observar que este fato não pode ser entendido como algo restrito a atletas de alto rendimento, entenda que a sua saúde mental, seja atleta ou não, também está em jogo.


É ela que nos possibilita lidar com as emoções que o nosso corpo vive durante o dia, sejam elas positivas ou negativas. Imagine que uma descarga de emoção negativa que você sofre de forma repentina ao longo do seu dia, como um stress no trabalho, uma reclamação de um cliente ou uma discussão familiar, é como uma descarga elétrica instantânea que pode alterar completamente a sua percepção sobre determinada situação, pode afetar a forma como você se enxerga naquele momento, e até a sua interação com outras pessoas. Essa carga de emoções pode continuar com você durante um período prolongado de tempo, e afetar o seu desempenho em outras funções que primariamente não possuem qualquer relação com o ocorrido. Ou seja, uma descarga emocional do trabalho pode afetar todas as áreas da sua vida e todas as pessoas que convivem com você..


A cada nova repetição das circunstâncias anteriores, pode fazer você viver o pesadelo novamente. Afinal, quem nunca ouviu um atleta afirmar que ao cometer um erro em uma competição em um momento decisivo, como uma cobrança de pênaltis por exemplo, revive a cena da derrota e isso acaba travando o atleta. Esse mesmo efeito ocorre com você, no entanto, a sua marca do pênalti é fora de campo, pode ser na relação com os pais, no ambiente de trabalho e em alguns casos pode causar doenças psicossomáticas. Isso ocorre quando sua emoção é ativada por memórias, e as consequências neste caso podem ser físicas, como problemas no sono, dermatites, enxaqueca, gastrite, e emocionais, como ansiedade e culpa. Isso ocorre pela nossa crença de que não podemos errar!! Ora, vamos falar a verdade!! Quem aqui nunca errou um pênalti na vida!! Será que o problema está em se arriscar e errar, ou em não se preparar para as possíveis consequências?


Sigo por aqui errando e acertando pênaltis, comemorando, às vezes, chorando em outras… mas investindo no meu autocuidado, profissional e pessoal. Me cerco de pessoas que me apoiam e me ajudam na reflexão de onde quero ir e como checar, e as armadilhas que posso cair…


Peço aqui que façam três reflexões:


Que pênaltis você marcou este ano?

Quais você errou e qual foi a consequência?

E o que você tem feito para lidar com isso?


Se ficar a vontade, me conta aqui nos comentários.


Se você ainda não me segue nas redes sociais é só clicar no link: @fabianagauy Toda semana eu posto conteúdos das minhas experiências ao longo dos anos nesse mercado.


13 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page